"descapando" discos de rock, sempre em listas top 10 | por Ziegler, Zé Mário e Lex

Posts marcados ‘Kasabian’

Top 100 dos anos 00 e você está velho

AS 100 PRINCIPAIS MÚSICAS DOS ANOS 2000 E VOCÊ ESTÁ FICANDO VELHO – POR ZÉ MÁRIO

Olá pessoal do Dezcapas, quanto tempo não é? Sei que mereço um puxão de orelha pela falta de postagens aqui, foi puro relaxo, mas prometo voltar com todo vapor e dedicação. Desculpas mal dadas à parte, hoje posto uma lista que o semanário britânico “New Music Express” postou, contendo as 100 principais músicas dos anos 2000 (to começando a ver q o tempo está passando, lista das 100 principais dos anos 2000?!). Eu Ainda estou a pensar sobre esta lista, fiquei sabendo ontem e não consegui formar opinião, tenho que lembrar o impacto que estas músicas causaram na época…enfim. Chega de Blablablá e vamos à lista. Vou colocar as capas de 10 em  10 da lista (1º lugar, 10º lugar, 20º lugar e assim por diante). Bora?

1º lugar – Beyonce – Crazy In Love

Pois é, quem levou o topo da lista é a Srª Jay-Z. Me lembro o quanto esta música tocou na época. Antes eu não aguentava ouvir essa coisa de tanto tocar. Não gosto ainda, mas tenho que admitir que merece a classificação. Não lembra? veja abaixo>>>

2º a 9º lugar:

2- MGMT – Time To Pretend
3- The Strokes – Hard To Explain
4- MIA – Paper Planes
5- Outkast – Hey Ya!
6- The Rapture – House Of Jealous Lovers
7- Klaxons – Golden Skans
8- Blur – Out Of Time
9- Arcade Fire – Rebellion (Lies)

10º lugar – Arctic Monkeys – A Certain Romance

Quando o Arctic Monkeys estourou era em meados de 2007/2008 e eles foram uma das primeiras bandas a mostrar que se podia ser independente e fazer sucesso a nível mundial através da internet (eles devem muito ao YouTube). Eu não me lembro exatamente o título, mas eles ganharam uma premiação britânica que o Oasis concorria junto e não levou…deixando assim os irmãos Ghallager #chateados e irritados. Sim, por mim ficaria até com uma posição melhor que a décima, mas ainda bem que ficaram nessa colocação para eu poder comentar!

11º a 19º lugar

11- The Libertines – Can’t Stand Me Now
12- The Streets – Dry Your Eyes
13- The Walkmen – The Rat
14- The White Stripes – Seven Nation Army
15- Yeah Yeah Yeahs – Bang
16- Rihanna – Umbrella
17- Yeah Yeah Yeahs – Maps
18- Outkast – Ms Jackson
19- Radiohead – Reckoner

20º lugar – Hot chip – Over and Over

Eu sinceramente não conhecia essa música até agora então não deveria nem estar nessa lista. Ouvi a música…nhéee vai, não sei não…não curti. Last night que está em 22º merecia mais. Escutem e digam o que acham>>>

21º a 29º lugar

21- The White Stripes – Fell In Love With A Girl
22- The Strokes – Last Nite
23- Muse – Knights Of Cydonia
24- Doves – There Goes The Fear
25- rcade Fire – Wake Up
26- Amy Winehouse – Rehab
27- Justice Vs. Simian – e Are Your Friends
28- Arctic Monkeys – I Bet You Look Good On The Dancefloor
29- LCD Soundsystem – Losing My Edge

30º Lugar – Franz Ferdinand – Take me out

Sim, quando essa música apareceu foi uma febre, todos queriam o Franz Ferdinand, inclusive o  a nossa “revista semanal” Fantástico dedicou uma matéria na época. Na realidade essa música é uma regravação. Concordo com a colocação, e poderia ser até mais próximo do topo.

31º a 39º lugar

31- Bloc Party – Banquet
32- Jay-Z & Alicia Keys – Empire State Of Mind
33- Queens Of The Stone Age – No One Knows
34- The Hives – Hate To Say I Told You So
35- At The Drive-In – One Armed Scissor
36- Missy Elliott – Get Ur Freak On
37- Crystal Castles – Alice Practice
38- Doves – The Cedar Room
39- Girls Aloud – Sound Of The Underground

40º lugar – Kanye West – Gold Digger

Não sou muito fã desse estilo de música, mas respeito e reconheço o quanto é influente esse estilo. Sobre o Kanye West conheço pouca coisa, mas ele tem ums clipes muito bons (isso não se aplica ao clipe dessa música). Ele sempre pira nesse ursinho aí e em alguns clipes ele entrea também. Não posso opinar o quanto foi importante essa música, então, escutem aí>>>

41º a 49º lugar

41- The Killers – Mr Brightside
42- Gossip – Standing In The Way Of Control
43- Coldplay – Clocks
44- Battles – Atlas
45- Dizzee Rascal – Fix Up, Look Sharp
46- Lily Allen – Smile
47- Britney Spears – Toxic
48- Vampire Weekend – A-Punk
49- Jay-Z – 99 Problems

50º lugar – Kasabian – Empire

Esta banda junto com outras como Libertines, The Verve e Keane são uma incógnita. Tiveram um sucesso relativamente grande na época em que estouraram e o som era promissor…mas ficaram contidas à sua época, parece que não decolaram (Keane de vez em quando dá as caras, inclusive está para lançar disco novo). O Kasabian é  legal, mas tem algum problema que não permitiu “decolar”. Bem, desabafo à parte, vamos ouvir a faixa que ocupa a 50ª colocação>>>

51º a 59º lugar

51- Daft Punk – Harder, Better, Faster, Stronger
52- La Roux – In For The Kill
53- The Libertines – Time For Heroes
54- Sufjan Stevens – Chicago
55- The Xx – Islands
56- The Coral – Dreaming Of You
57- Elbow – One Day Like This
58- Radiohead – Everything In Its Right Place
59- Interpol – Evil

60º lugar – Regina Spektor – Us

Sempre esbarro com esta cantora, mas até agora não tomei vergonha na cara de ouvir mais sobre o trabalho dela. É interessante o que vi até agora dela, mas não sabia que teve tal peso nas músicas da nossa última década completa (mas acho q a música que vem logo a seguir na classificação merecia MUITO mais [back to black da finada Amy]. Sem mais blablabla, escutem aqui>>>

61º a 69º lugar

61- Amy Winehouse – Back To Black
62- Spiller – Groovejet (If This Ain’t Love)
63- Babyshambles – Fuck Forever
64- Jamie T – Sheila
65- Wolfman – For Lovers
66- Friendly Fires – Paris
67- The Vines – Highly Evolved
68- Kings Of Leon – Red Morning Light
69- Super Furry Animals – Slow Life

70º lugar – Primal Scream – Accelerator

Acho que se alguém ler o que vou falar a seguir serei xingado…pois o nome Primal Scream eu sempre conheci, mas nunca quis saber q caralho estilo de som eles fazem. Essa faixa é até legal, um bom e velho rock barulhento. Como não tenho muito o que opinar, vamos direto ouvir a música >>>

71º a 79º lugar

71- Kelis – Milkshake
72- The Knife – Heartbeats
73- Eminem – Without Me
74- Kylie Minogue – Can’t Get You Out Of My Head
75- TV On The Radio – Staring At The Sun
76- Gnarls Barkley – Crazy
77- The Cribs – Men’s Needs
78- Glasvegas – Daddy’s Gone
79- Muse – Plug In Baby

80º lugar – Futureheads – Hounds of love

Outro caso igual a Primal Scream, só me contenho a dizer isso sobre a banda. A música? Não gostei (mas tá em 80º lugar mesmo…). Escuta ai>>>

90º lugar – Eminem – The real slim Shady

Olha, se estamos falando dos anos 2000 e colocar Eminem em 90º colocação deixa a lista aberta a questionamentos. O que esse rapper revolucionou não foi pouco. É branquelo e os clipes/letras são sempre muito sarcásticos. Realmente ele merece lugar bem melhor (tipo o do Kasabian por exemplo) nesse ranking. Escuta aí vai, brotha>>>

91º a 99º lugar

91- CSS – Let’s Make Love And Listen To Death From Above
92- Johnny Cash – Hurt
93- The Big Pink – Dominos
94- Animal Collective – My Girls’
95- The Killers – All These Things That I’ve Done
96- Crystal Castles – Crimewave
97- Sugababes – Round Round
98- Morrissey – Irish Blood, English Heart
99- Flaming Lips – Do You Realize??

100º – Maximo Park -’Apply Some Pressure’

Outro que nunca ouvi falar ante é quem fecha a lista top 100/Dezcapas. Olha, tirando a cara do ator que fez “O virgem de 40 anos”, o clipe é bom e a capa também. Quem sabe eu procure mais né? Escute a última faixa deste post>>>

Bem, é isso. até a próxima quarta (apareço sem falta!)

Anúncios

“ACELERA…”

Domingo passado com o início a temporada 2012, meu querido e atento Rochinha me passou a dica que definiu o tema dessa semana. Rubinho Barrichello está traçando novo caminho à sua carreira de piloto. Contratado pela empresa KV agora ele disputa pela Fórmula Indy. Como parte de divulgação de sua nova empreitada no spot de rádio ele diz em alto e bom som que é INDY. Musicalmente falando PIADA PRONTA, né? Aproveitando toda velocidade que a competição automobilística exige a dose_INDIE acelerou o ritmo.

01 – Good Shoes – All In My Head

Banda formada pelos irmãos Rhys, guitarra e vocal; Tom, bateria; e mais dois amigos de infância que completam baixo e segunda guitarra. No início depois que participaram de festival promovido por revista de música assinar contrato com gravadora foi o passo seguinte. Clipe dirigido por Michel Gondry.

Vídeos do VodPod não estão mais disponíveis.

02 – Correcto – Do It Better

Danny Saunders cantava em pubs de Glasgow quando recebeu convite de Richard Wright, guitarrista, para formar a banda. Will Bradley, de Life Without Buildings, assumiu a bateria. Quando assinaram contrato com gravadora Paul Thompson, de Franz Ferdinand, assumiu as baquetas e Patrick Doyle, de Royal We, o baixo.

Vídeos do VodPod não estão mais disponíveis.

03 – Hot Hot Heat – No Not Now

Na ativa desde 1999 a grande virada aconteceu dois anos depois quando Steve Bays, tecladista, assumiu os vocais. Make Up The Breakdown carrega nas referências retrô, como se tivesse sido agravado em 1981 e descoberto recentemente. Sem parecer datado.

Vídeos do VodPod não estão mais disponíveis.

04 – Maxïmo Park – The Coast Is Always Changing

Maxïmo Park é referência a Máximo Gómez y Báez, major-general na Guerra dos Dez Anos (1868-1878) e comandante militar em Cuba na guerra pela indepedência do país (1895-1898). A Certain Trigger aborda as alegrias e frustrações de ser adolescente em Newcastle, ao Norte da Inglaterra. As principais referências são The Jam, XTC, Wire e The Smiths.

Vídeos do VodPod não estão mais disponíveis.

05 – The Rakes – 1989

Klang, palavra em alemão, é o nome mais apropriado para o terceiro disco que foi gravado em Berlim. A cada lançamento a banda vem aperfeiçoando suas músicas. “1989” serve de alívio aos fãs acostumados a sonoridade da primeira fase.

Vídeos do VodPod não estão mais disponíveis.

06 – The Libertines – Vertigo

Quando surgiu a banda disputou reconhecimento com White Stripes, The Vines, Doves, The Hives, entre outras. Alguns críticos consideraram Up The Bracket a “resposta inglesa” para Is This It, de The Strokes. O disco teve produção artística de Mick Jones, ex-The Clash e Big Audio Dynamite.

Vídeos do VodPod não estão mais disponíveis.

07 – The Black Keys – Strange Times

Attack & Release, de 2007, foi produzido por Danger Mouse. A ideia original seria gravar o disco todo em parceria de Ike Turner. Infelizmente o músico morreu no mesmo ano.

08 – Kasabian – Fast Fuse

As influências de Stone Roses, Happy Mondays e Oasis nos singles lançados no começo dos anos 2000 são evidentes. O nome da banda é referência a Linda Kasabian, integrante da quadrilha de Charles Manson, responsável pelo assassinato da atriz Sharon Tate, em 1969.

Vídeos do VodPod não estão mais disponíveis.

09 – The Futureheads – Beginning Of The Twist

Paralelo à banda Barry Hyde, vocal e guitarra, e Pete Brewis, baterista, desenvolvem projeto social em Sunderland chamado City Detached Youth Project que tem objetivo de iniciar crianças menos favorecidas à música.

Vídeos do VodPod não estão mais disponíveis.

10 – Primal Scream – Can’t Go Back

Beautiful Future, de 2008, foi o último disco de inéditas. Na sequência teve início a turnê Screamadelica que passou pelo Brasil. “Can’t Go Back” foi escrita e gravada em parceria de Kevin Shields, de My Bloody Valentine.

Vídeos do VodPod não estão mais disponíveis.

11 – Toadies – I’m Not In Love

Música de Talking Heads, “I’m Not In Love” foi gravada por Toadies para trilha do filme Basquiat, de 1996. Em sua história a troca de músicos foi constante. Quando a banda encerrou atividades em 2001 o único integrante original era o vocalista Tod Lewis.

.
Clique aqui para baixar o podcast no formato MP3

Clique aqui para baixar o podcast no formato AAC para iPod

.
OBRIGADO Rochinha por me ajudar a definir o setlist. Para conhecer as edições anteriores da dose_INDIE e Dez Capas clique aqui. Até sexta que vem.

Vote na melhor capa de 2011

Neste ano de 2011 grandes bandas lançaram novos discos, como Strokes, Radiohead, Coldplay… Tivemos também o disco despedida do R.E.M e as estreias de Criolo e Beady Eye. E projetos juntando gente bacana, Lulu do Metallica e Lou Reed e o SuperHeavy com Jagger e Joss Stone.

Para esta lista selecionei 20 discos que na minha opinião foram os mais relevantes de 2011. Faltou algum na sua opinião? Perdoe meu descuido e deixe sua bronca!

Fiquem a vontade para votar, na última semana de dezembro publico o grande vencedor junto com uma retrospectiva do que foram esses primeiros meses de vida do DezCapas.

Ahh… O voto aqui é para a melhor capa e NÃO melhor disco do ano. Eu por exemplo, acho que Criolo e Metallica/Lou Reed fizeram os álbuns mais interessantes. Mas meu voto de melhor capa ficou com Beady Eye.

Valeu!!

Nuvem de tags

%d blogueiros gostam disto: