"descapando" discos de rock, sempre em listas top 10 | por Ziegler, Zé Mário e Lex

Posts marcados ‘Queen’

and the Oscar goes to…

A grande motivação para este post fica por conta do cover de Trent Reznor (ex-Nine Inch Nails) e Atticus Ross para a canção zeppeliana Immigrant Song. A dupla faturou ano passado o Oscar de melhor trilha sonora para The Social Network (A Rede Social), mas desta vez ficaram de fora dos indicados nesta mesma categoria com o novo filme de David Fincher.

Já no caso de melhor canção original, a academia de Hollywood nas últimas edições tacou o foda-se nesta categoria, tanto que ontem tivemos apenas duas indicações, das animações Rio e Muppets. E a cria de Carlinhos Brown e Sergio Mendes deve ficar com a estatueta.

Para minha lista, deixo do Oscar 2012 apenas Immigrant Song e Real in Rio. E para completá-la com as oito restantes não pensei muito, foi de bate-pronto, o que me veio a mente coloquei. Destaque para a versão cowgirl-bêbum de Modern Love (David Bowie) que fecha os créditos do sensacional JCVD, o filme sobre Jean-Claude Van Damme.

***

1. The girl with the dragon tattoo
(os homens que não amavam as mulheres)

Immigrant Song – Trent Reznor & Atticus Ross

***

***

2. Pulp Fiction
(Pulp fiction – Tempo de Violência)

Girl, You’ll Be a Woman Soon – Urge Overkill

***

***

3. THe goonies
(Os Goonies)

The Goonies ‘R’ Good Enough – Cyndi Lauper

***

***

4. Stand by me
(Conta comigo)

Stand by me – Ben E. King

***

***

5. Saturday night fever
(os embalos de sábado à noite)

Staying Alive – BEE GEES

***

***

6. Highlander
(Highlander, o guerreiro imortal)

Who Wants to live forever – Queen

***

***

 7. James Bond 007: the living daylights
(007 marcado para a morte)

The living daylights – a-ha

***

***

 8. JCVD
(JCVD)

modern love – Marie Mazziotti

***

***

9. Closer
(Perto Demais)

The Blower’s Daughter – Damien Rice

***

***

10. Rio
(Rio)

Real in rio – Carlinhos Brown & Sergio mendes

***

***

Retrospectiva 2011

Feliz 2012!!


Ziegler, Lex e Zé Mário formam a equipe do DezCapas

Fim de ano chegou e vamos fazer um pequeno balanço do que foram esses primeiros meses de vida do DezCapas?

O blog entrou no ar no dia
4 de agosto

04 de janeiro de 2012:
Cinco meses
+ de 50 posts
+ de 5 mil visitas

    

Foo Fighters, Nirvana, The Strokes,
The Beatles e Pearl Jam foram as bandas mais citadas

Nevermind do Nirvana
apareceu em 3 posts:


Vinte anos do Grunge
Genitália desnuda
Vinte e Sete

… e estes fizeram dobradinha:

    

The Rolling Stones – Beggars Banquet
The Rolling Stones – Stick Fingers
The Smiths – The Smiths
The Smiths – The Queen is Dead
Janis Joplin – Pearl
The Beatles – Yesterday and Today
Juliana Hatfield – Juliana’s Pony: Total System Failure
Justice – Audio, Video and Disco
Jamiroquai – Travelling without Moving
Pink Floyd – Dark Side of the Moon
Alice in Chains – Facelift
Guns n’ Roses – Appetite for Destruction
Black Sabbath – vol.4
Pearl Jam – Pearl Jam

Posts inteiramente dedicados a:

   

Trent Reznor, Black Sabbath, Mike Patton, Pearl Jam,
The Stone Roses, Legião Urbana, REM, White Stripes,
PJ Harvey, Queen, Slash, Lenny Kravitz, Dave Grohl…

… e também temáticos:

      

Publicidade e Natal,
discos raros, caros, capas bizarras, proibidas e com nudez,
arte plagiada, discos de vinil,
mash-up e sleeveface,
20 anos do Grunge
e até os jogos Pan-Americanos de Guadalajara ganharam uma homenagem

Especiais para os festivais SWU, Sónar, Planeta Terra e Rock in Rio

E artistas/fotógrafos também ganharam posts exclusivo

      

Barry Feinstein, César Vilela, H.R Giger e Alex Steinweiss

estreia da dose_INDIE, sucesso no SeteDoses.com, agora no DezCapas

* * *

É isso! Nós do DezCapas agradecemos a preferência e contamos com sua visita regularmente em 2012. E colabore com sugestões, críticas, comentários nos posts e também sua participação com sua própria lista. Tá afim? Se torne um dos colaboradores. Grande abraço e feliz ano novo!

Dia Mundial da Publicidade

Escrever mais uma vez sobre o The Smiths, em 25 de novembro, foi minha despedida do Dez Capas envolvendo apenas aquele tipo de conteúdo. A volta da dose_INDIE estava programada e tinha em mente este mês. Em dezembro de 2010 publiquei a primeira edição do Dia Mundial da Publicidade. Tenho carinho especial por aquele post. Sou publiciatário. Naquela época, da pesquisa que realizei, alguns comerciais ficaram em stand by. Com doze dias de atraso comemoro mais uma vez a data e reafirmo, na hora do intervalo, por favor, NÃO MUDE DE CANAL.

01 – Apple

Vídeos do VodPod não estão mais disponíveis.

01.1 – The Beatles – The Magical Mystery Tour

Em novembro de 2010 aconteceu o esperado acordo que permitiu a Apple vender músicas do Fab Four via iTunes. O comercial acima foi lançado como parte de sustentação da campanha.

01.2 – The Beatles Coming To America

Vídeos do VodPod não estão mais disponíveis.

01.3 – Paul McCartney – Dance Tonight

Vídeos do VodPod não estão mais disponíveis.

Em 2007 Paul McCartney estreou comercial para iPod + iTunes. Assista o making of aqui.

02 – Heineken

Vídeos do VodPod não estão mais disponíveis.

02.1 – The Asteroids Galaxy Tour – Golden Age

Produção européia lançada nos intervalos dos jogos da copa da UEFA Champions League e demais campeonatos patrocinados pela marca. The Asteroids Galaxy Tour é da Dinamarca e formada por Mette Lindberg, no vocal, e o produtor Lars Iversen. Nas apresentações ao vivo mais quatro músicos compõem o naipe de metais.

03 – Coca Cola

Vídeos do VodPod não estão mais disponíveis.

03.1 – Oasis – Whatever

A campanha Existem razões para acreditar. Os bons são maioria foi adaptada no mundo todo. Ela fez parte da ação de aniversário da marca e fecha com o slogan: 125 anos abrindo a felicidade. Amigos próximos sabem que só bebo Pepsi, mas o conceito é forte, a ideia muito boa e convincente.

04 – Vivo

Vídeos do VodPod não estão mais disponíveis.

04.1 – Legião Urbana – Eduardo e Mônica

Quando foi divulgado na mídia que “Eduardo e Mônica”, clássico da Legião Urbana, seria usado em filmagem houveram rumores de que mais um longa envolvendo a banda de Brasília estaria em produção. O mistério acabou em junho quando a Vivo lançou sua campanha comemorativa do Dia dos Namorados. Para 2012 está previsto o lançamento dos longas “Faroeste Caboclo” e “Somos Tão Jovens”. O primeiro é a adaptação para a grande tela dos conflitos envolvendo João de Santo Cristo, Jeremias e Maria Lúcia. O segundo é a cinebiografia de Renato Manfredini Junior.

05 – Peugeot 206

Vídeos do VodPod não estão mais disponíveis.

05.1 – Skank – Te Ver

Este é um dos meus filhos. Produzi o comercial, em dupla, com o grande amigo Albino Carlos de Caires. A versão de “Te Ver” foi gravada exclusivamente para o filme. Não é o Skank que a interpreta.

06 – Google

Vídeos do VodPod não estão mais disponíveis.

06.1 – Queen – Don’t Stop Me Now

Se estivesse vivo, em cinco de setembro, Freddie Mercury completaria 65 anos. Para comemorar a data o Google trocou o Doodle* por animação da música “Don’t Stop Me Now”. Durante dois dias esteve disponível no YouTube apresentação na íntegra que o Queen realizou no estádio Wembley, em 1986, e que reuniu 150 mil fãs.

07 – Motorola Razr 2 V8

Vídeos do VodPod não estão mais disponíveis.

07.1 – Shiny Toy Guns – Le Disko

Todo malabarismo e mexida de dedos da modelo carregam na referência ao filme Matrix. Há EXAGERO na performance do casal e mesmo assim o resultado continua interessante. OBRIGADO Rodrigo, futuro colega de profissão, pela dica do Razr 2.

08 – Peugeot 408

Vídeos do VodPod não estão mais disponíveis.

08.1 – Tears For Fears – Seeds Of Love

Há duas versões para o comercial. A veiculada no Brasil tem como trilha “Seeds Of Love”, de Tears For Fears. A exibida nos demais países da América Latina vem com música conceitual.

Vídeos do VodPod não estão mais disponíveis.

09 – Pepsi

Vídeos do VodPod não estão mais disponíveis.

09.1 – David Bowie – Modern Love

“Modern Love” teve parte da letra adaptada para o comercial da Pepsi e contou com a participação de Tina Turner nos vocais. Não existe versão da música original com vocal da dupla. Assistia esse comercial com freqüência nos intervalos do Super Special, programa de clipes dos anos 80 que passava às 13hs na Band, apresentado por Serginho Caffé.

Vídeos do VodPod não estão mais disponíveis.

10 – Nike

Vídeos do VodPod não estão mais disponíveis.

10.1 – Sérgio Mendes – Mas Que Nada

John Woo assina direção do comercial com a seleção brasileira, para a Copa do Mundo de 1998. Os jogadores começam uma pelada no saguão do aeroporto para matar tempo de vôo atrasado. Resumindo a ópera: na final a França venceu a seleção canarinho e levou o caneco para casa.

11 – volkswagen

Vídeos do VodPod não estão mais disponíveis.

11.1 – Star Wars Soundtrack – Imperial March

Na minha opinião este é o MELHOR COMERCIAL de 2011. As tentativas frustradas “do mal” de mini Darth Vader são desoladoras. A parte que mais gosto é quando o pai vem ao encontro do filho para um abraço e mini Darth Vader mexe as mãozinhas como quem diz: “NÃO ME INTERROMPA”. Imagino o pai perguntando para a esposa o que aconteceu e ela respondendo: “Ai amor, ele ficou O DIA TODO com essa fantasia tentando algum super poder e claro que não conseguiu, né? Nem o Buck deu bola pra ele”. A levantada de sobrancelha do pai resume tudo. Na sequência do comercial vem o making of.

12 – kfc

Vídeos do VodPod não estão mais disponíveis.

12.1 – Ellie Goulding – Your Song

Comer um baldinho de frango frito NÃO É uma alimentação saudável. Por outro lado a forma como a mensagem é passada, relacionando momentos de alegria e descontração com a idade decrescente do casal principal, amenizam o pecado da gula e camuflam os males à saúde. Um amigo fez o melhor comentário sobre o comercial: “depois de tanta sensibilidade, E DAÍ que é pra vender fritura?”

13 – bradesco seguros

Vídeos do VodPod não estão mais disponíveis.

13.1 – Biafra – Sonho de Ícaro

Biafra foi famoso nos anos 80 e 90 por criar temas de novelas, como Barriga de Aluguel e A Gata Comeu, mas seu maior sucesso foi “Sonho de Ícaro”. A música foi usada na continuação da campanha do Bradesco Seguros que usa o bordão Vai que…”

EXTRA 1: Skol Bock

Vídeos do VodPod não estão mais disponíveis.

Meu primeiro contato com produção de comerciais para televisão foi em 1996, como estagiário da Jodaf – João Daniel Filmes, do diretor João Daniel Tikhomiroff. Este foi o primeiro comercial que “apareci”. Preste atenção aos 21 segundos. A ÚLTIMA mão que coloca o copo vazio no balcão, e cruza o braço, é minha. HEHEHE. É sério.

EXTRA 2: Dolly Guaraná
Paródia Dia dos Pais 2010

Vídeos do VodPod não estão mais disponíveis.

“Este video não tem intenção de fazer apologia a violência. O intuito é apenas humorístico. (Quando não tem Coca ou está no fim do mês a gente até toma Dolly)”. Pelego FM & ZAK Studios.

.
O conteúdo de hoje era o programado para semana passada, mas por causa do excesso de trabalho improvisei com “Tá sem JOB?” (*) Quando o Google troca o logotipo em datas especiais, seja por uma simples imagem ou animação, isso chama Doodle.

.
Clique aqui para baixar o podcast no formato MP3

Clique aqui para baixar o podcast no formato AAC para iPod.

.
Para conhecer as edições anteriores da dose_INDIE e do Dez Capas clique aqui. Até sexta que vem.

God save the Queen

As 10 melhores capas do Queen.
Por Alessandro Ziegler

Você sabe quem foi Farrokh Bulsara?
Ele nasceu na ilha africana de Zanzibar e depois no Reino Unido adotaria o nome artístico Freddie Mercury. Nesta última semana, se estivesse vivo, completaria 65 anos de idade. Foi líder, cantor e principal compositor de uma das maiores bandas de rock de todos os tempos: Queen.

Queen também foi aquela que me levou para as grandes bandas clássicas de rock. Depois da épica apresentação no primeiro Rock in Rio (1985), eu moleque de tudo só me interessava pelas capas demoníacas dos Black Sabbaths e Iron Maidens da vida (claro que depois percebi o quanto essas duas bandas eram fantásticas, muito mais que suas capas). Mas o Queen me levou para Led Zeppelin, Pink Floyd e tantas outras. E por toda essa importância ostentei por anos uma camiseta preta com o famoso brasão da banda. Lembro dos amigos vestidos de Slayer e Morbid Angels sempre olhando feio para o garoto aqui!!..rs

Bom, chega de blá blá e vamos a uma lista feita por um grande fã de Queen. Não em ordem cronológica, mas sim de minha preferência.

1. Queen II

Na capa de 1974 a foto que se tornaria marca registrada da banda.

2. A Night at the Opera + A Day at the Races + Greatest Hits II

A Night at the Opera (1975) para muitos é o grande disco do Queen e também tem a capa mais bonita. Também foi nele a estreia do brasão que viria a se tornar o grande símbolo visual do grupo, foi adotado na coletânea Greatest Hits II e assim seguiu em muitos outros lançamentos. Mas engana-se quem acha que o brasão é o mesmo do disco de 75, na verdade é um mix com o segundo desenho apresentado na capa de A Day at the Races.

3. Innuendo

Innuendo de 1991. É o último disco, o mais triste e na minha opinião o melhor da banda. Foi lançado em fevereiro e em novembro Freddie Mercury já estava morto. É neste disco que temos a grande faixa The Show Must Go On, que rendeu um video-clipe emocionante contando todo a trajetória da banda. Tanto as ilustrações do disco (primeiro) e do single foram feitas pelo artista Richard Gray (veja no final do post mais uma arte feita para Innuendo)

4. Hot Space

Inclusão de bateria eletrônica e sintetizadores e uma capa que caiu como uma luva

5. A Kind of Magic

Este disco de 1986 é praticamente a trilha sonora do filme Highlander. A principio seria apenas uma ou duas canções, mas no final todas as músicas foram baseadas no longa-metragem estrelado pelo imortal Christopher Lambert

6. Body Language

Single do Hot Space. Capa bem diferente de todas já lançadas pela banda, seria uma influência de David Bowie que esteve presente neste disco?

7. The Miracle

Uma arte muito bem executada. A fusão do rosto dos quatro integrantes deixava o recado: Nada de separações ou carreira solo.

8. News of the World

Adaptação da arte original de um dos mestres da ilustração de ficção científica, Frank Kelly Freas. O artista havia feito para uma revista especializada, retratava um robô segurando o corpo de um homem que tinha acidentalmente assassinado (e, em seguida, olhou para seu pai pedindo por ajuda). A banda solicitou à Freas um novo desenho com a adaptação acima.

9. Jazz

Não há muito a dizer sobre esta capa, apenas que é considerada por muitos fãs como a mais feia. No meu caso conseguiu estar entre as 10 melhores.

10. Las Palabras de Amor

Esta canción faz parte do disco Hot Space e se tornou um grande hit nos países europeus de língua espanhola. Sucesso tamanho que ganhou status de single com direito a essa bela capa.

Extras

1. Selecionei três videos para este post dedicado ao Queen. O primeiro é o sensacional video-clipe de Innuendo.

2. Na sequência temos The Show Must Go On que foi lançado apenas 1 mês antes da morte de Freddie Mercury. Esta música foi escrita por Brian May e narra a dura batalha que Freddie enfrentava contra a sua doença. Mas notem que mesmo muito fraco, o vocal de Mercury é impecável.

3. Para fechar, a homenagem que o Google fez durante essa semana ao Queen. Um video bem bacana que ficou on em sua home de buscas.

Nuvem de tags

%d blogueiros gostam disto: